31 outubro 2008

VIVENDO MINHA REALIDADE

Existem mOmentOs
em que é precisO parar
nãO pOrque cansamOs
mas pra juntarmOs fOrças
para recOmeçar

Me sintO impOtente perante
acOntecimentOs Que não pOdem
ser evitadOs Idéias ficam em
nOssa mente a emoção fala mais altO
A razãO busca argumentOs para
explicar o que nãO Se cOnsegue explicar a

Os N-o-r-m-a-i-s

Entra em cena
O amOr-própriO
O egoísmo
Impaciência
intOlerância
O nãO querer Ouvir

blá blá blá

existe um estranhamentO de atitudes
Ouvindo música meus pensamentOs desordenados
- o céu nubladO a vida lá fOra passandO
e eu quieta minguante
minúscula pOr dentro cOnfusa
- à flOr da pele me perguntando
Será que é lOucura

[?]

Passamos por processos

D-o-l-o-r-o-s-o-s

mas são eles que nos ensinam
que é preciso ir de encontro
aos nossos sonhos
Derrubando conceitos nos
mostrando que nada sabemos
me deparei comigo mesma

Preciso me recolher
como quem procura abrigo
em meio a uma tempestade

Rever conceitos buscar a
capacidade de me reciclar
tirar o pó
Resgatar valores
que ficaram pra trás
para poder seguir em frente

Me entender como mulher
tenho que ouvir meu coração
Preciso ser alma quando
sou apenas confusão

Existe dentro do sil^ncio
que há em mim uma teimosia
em não desistir dos meus sonhos

Uma (fé)

Uma ESPERA-nça

Em viver resgates dentro de mim mesma
Quero olhar a vida lá fora em passos
largos saltitantes de alegria
Observar as pessoas meus
sentidos estão as

A-v-e-s-s-a-s

Mas minha essência está pulsando
Em meu coração
Vejo minha alegria
lá no horizonte
O amor é o foco do meu

(RE-conecimento)

Reverencio todos os processos
De aprender
Mesmo que me magoem
E eu magoe também

Reverencio a vida que pulsa
dentro de mim

Minhas Neuras
Minhas Crises

Reverencio o tempo que
me é dado para sofrer
tentando sempre estOu aqui
- nem pior
nem melhor
estou aqui
carne
alma
nervOs
sangue

E muita
muita vontade de viver
quero ser simples cada vez mais

Quero ser feliz

[ainda podemos ser felizes]

[ ! ]

Cansei de (ser) triste..

Quero viver de (faz) de conta pra sempre!!!

"Conhece-te a ti mesmo"




.

Um comentário:

carteirodopoente disse...

sandrinha
outro blog delicioso..
beijos
tadeu